Estudante novamente :)

Voltei a ser estudante! Sim! Decidi, finalmente, fazer o curso de Coaching para me especializar nessa área, visto que já atuo nessa profissão há alguns anos.

Exatamente. Já trabalho há oito anos na área de desenvolvimento de pessoa usando técnicas de Mentoring e Coaching, porém, como uma atividade secundária dentro da minha profissão. Mas, de uns três anos para cá, decidi que quero me aprofundar nisso e, quem sabe, unir o melhor dos dois mundos que amo: software e coaching.

E, para minha mais grata surpresa, o curso que eu escolhi tem o formato de pós-graduação. E, sim, tenho que entregar um TCC. E, como todo trabalho de conclusão, ele é complexo e exige muita dedicação.

O bom é que esse tipo de trabalho me motiva, pois eu tenho a oportunidade de pesquisar, aprender muitas coisas novas, e ainda escrever muito!

A boa notícia é que, depois de três semanas coletando materiais, eu comecei oficialmente a escrever o trabalho. Já criei o documento, formatei, e coloquei algumas anotações. Já tirei algumas dúvidas sobre como fazer cada parte e até já comecei a rascunhar algumas das seções.

Para os anexos, organizei uma pasta para já deixar os PDFs salvos. Depois, será só anexar no documento oficial – já fiz até um teste e funcionou perfeitamente.

Agora é só sair escrevendo!

[Poemas] Soneto do novo amor

Soneto do novo amor

De um lugar que eu não esperava
Vida me trouxe sentimento forte
Que me trás sonhos que já não sonhava
Que me trás vida e me tira morte

Que reacende o sol da esperança
Num simples gesto no modo de olhar
Sem me dar conta me sinto criança
Perdido no mundo feliz a brincar

És ô amor, tal sentimento forte
Que me trás vida e me tira morte
Logo pra mim que não acreditava

Tu me chegaste com tanto fervor
És para mim ô sentimento amor
A chave da vida que a vida negou

Thiago Galvão

Fonte: http://www.recantodasletras.com.br/sonetos/633086

Receitas: Mac & Cheese

Ingredientes:

  • 2 xícaras (chá) de macarrão
  • 2½ – 2¾ xícaras (chá) de leite
  • 1 colher (sopa) de manteiga
  • ¼ xícara (chá) água
  • 1 xícara (chá) de queijo muçarela ralado
  • 2 colheres (sopa) de cream cheese (ou requeijão)

Preparo:

Derreta a manteiga na panela e adicione o leite e a água. Quando erguer fervura, adicione o macarrão. Mexa para não grudar no fundo. Quando o macarrão estiver cozido, retire do fogo e acrescente o queijo e cream cheese. Misture até derreter tudo e sirva.

Dica:

Deve sobrar um pouco de leite na panela quando o macarrão estiver cozido, pois isso é que deixa o macarrão cremoso. A imagem abaixo mostra o ponto de cozimento:

Receita adaptada de http://www.spendwithpennies.com/pot-creamy-mac-cheese-boiled-milk/

Thanksgiving 2016

Hoje é dia de agradecer. Quem me conhece há algum tempo sabe o quanto esse dia é importante para mim. É o dia mais especial do ano. É o meu feriado.

E, como todos os anos, tenho muito a agradecer. E, assim como todos os anos, algumas pessoas marcaram especialmente o ano.

Aos novos amigos que entraram na minha vida esse ano (Val e Andre, Ocimar e Gabi). Aos velhos amigos que, mesmo longe, sempre estão perto (Débora e Jiri, Silvio). Claro, que minha família próxima (pai, mãe, irmã, cunhado e meu sobrinho), aos não tão próximos (tios e primos) e à nova família adotiva (Bahia). Aos que estavam na minha vida há algum tempo, mas só recentemente adentraram pela porta (Dana).

Aos que acreditaram em mim e me apoiaram nos momentos mais difíceis desse ano (Thamara, Marcio).

Ao meu time, que ganhou um espaço enorme no meu coração.

Continue reading

Maternidade: a polêmica atual do mundo feminista

Ultimamente tenho visto inúmeros artigos sobre o tema maternidade, a escolha de ser mãe e, principalmente, a escolha de não ser mãe. Um assunto que divide as opiniões e tem gerado polêmica entre as minorias.

É bem interessante ler os artigos de mulheres defendendo a opção de não ter filhos. E como tem gente criticando. Tem vários argumentos e contra-argumentos interessantes nesses posts. Leio coisas como “todas tem direito de escolha”, “não ter filhos é uma escolha da mulher”, “relógio biológico é pressão social”, e por aí vai.

Coisas que eu penso e nunca entram em debate e tem tudo a ver com o sexismo e a pressão social em ter filhos: o homem falar que não quer ter filhos não gera polêmica. Melhor dos casos, todos apoiam a decisão. Mas uma mulher dizer que não quer ter filhos? Melhor falar que não acredita em Deus. Continue reading