Novo mundo

Por que postergamos tanto as coisas? Estou lendo o livro “Desperte o gigante interior”, de Anthony Robbins. Ele pergunta muito isso e também responde: medo. O medo é um sentimento que nos permeia todo o tempo.

É interessante como o medo evoluiu junto com o homem. O medo é um sentimento instintivo; nosso maior mecanismo de defesa, ele nos protege do desconhecido e nos faz mais cautelosos, nos ajuda a evitar ferimentos. Mas no mundo atual, o medo atua também de forma inversa, ele nos impede de evoluir, reforça os sentimentos de conforto.

Tenho postergado há semanas montar meu plano de ação de 2012. Tentei várias vezes, mas eu sento na frente do papel e não sai nada. Cheguei à conclusão esta semana que o problema é a abordagem que eu estava usando. Então decidi tentar outra abordagem. Ainda não consegui sair do papel. Isto me frustra muito.

As viagens das últimas semanas me afetaram muito também. Minha vontade é de me enfiar num buraco e ficar lá dentro até tudo isso passar. O que mais me machucou esses dias foi descobrir que minha irmã acha que eu não sou normal.

Senti pela primeira vez solidão. Porque antes disso eu tinha certeza de que eu tinha pelo menos ela do meu lado. Agora eu não tenho ninguém. Perdi a única coisa que me dava forças para continuar, enfrentar tudo o que acontece de errado na minha vida.

Tentei sair ontem, com a esperança de esquecer de tudo isso por um momento. Meus amigos fizeram um ótimo trabalho. Mas eu não estou no humor de fazer nada. Então, o que eu decidi é que essa semana será uma semana normal: academia, dança, trabalho. Vou montar meu plano de ação. Vou colocar um sorriso no rosto pela manhã e enfrentar o dia que vier. E aproveitar cada minuto. Até encontrar as respostas.

One thought on “Novo mundo

  1. Nossa, realmente o medo é o nosso maior sabotador. Ele nos ajuda em muitas coisas, mas ao mesmo tempo nos “trava”. Algumas vezes é tão opressivo que nos força a entrar dentro de uma concha, por puro medo. Espero que esse tempo tenha passado, e que vc descubra que sempre terá amigos a quem recorrer. Em todas as horas, boas ou ruins.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s